15 pessoas foram presas durante operação do Norte do Paraná

Quinze pessoas foram presas durante uma operação contra o tráfico de drogas, em Londrina e Rolândia, norte do Paraná. A ação foi deflagrada na manhã desta quinta-feira (7) pela Divisão Estadual de Narcóticos (Denarc) da região. No total, foram cumpridos 12 mandados de prisão temporária. Duas pessoas são consideradas foragidas e outras três foram presas em flagrante por crimes de porte ilegal de armas, munição e de drogas.

De acordo com a Denarc, a investigação – que durou um ano – identificou uma quadrilha responsável pelo tráfico no município de Rolândia. A entrega das drogas era feira diretamente ao usuário, geralmente, em praças públicas. Entre os presos em flagrante está o filho de um ex-vereador de Londrina. Um mandado foi cumprido na casa dele, onde os policiais encontraram munição e documentos falsos.

Segundo as investigações, o filho do ex-parlamentar é suspeito de fornecer munição para um dos integrantes da organização criminosa. Conforme informações da Denarc, após pagar uma fiança estabelecida pela Divisão de Narcóticos o filho do ex-vereador poderá ser solto. O líder da quadrilha também foi preso. Na casa dele, foram encontrados trinta e oito mil reais em dinheiro e uma pistola.

Durante a operação, a polícia apreendeu setenta quilos de maconha, dois quilos de cocaína, quarenta e cinco mil reais e seis armas de fogo. De acordo com a Polícia Civil, quatro dos 15 presos são suspeitos de latrocínio – roubo seguido de morte. Os suspeitos vão responder por tráfico de drogas, associação para o tráfico, posse e porte de arma de fogo e lavagem de dinheiro.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*