A câmara de Curitiba começa hoje a revisão do regimento interno da casa

Uma reunião no fim da manhã define a comissão que vai trabalhar na revisão e também quem será o vereador responsável pela condução dos trabalhos. É o regimento que trata de aspectos administrativos da câmara e também pode criar novos mecanismos de fiscalização. É o que explica o vereador Paulo Frote, que conduziu a revisão da Lei Orgânica Municipal.

Também deve ser criada uma comissão para tratar melhor do orçamento da casa.

Atualmente o regimento interno tem 192 artigos. O regimento também prevê os requisitos para a tramitação das proposições legislativas e, prevê, ainda,  as regras para a substituição do prefeito em caso de licença do chefe do poder Executivo.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*