Acidentes de trânsito causaram 9,3 mil internações pelo SUS

Foto: Detran PR

Foto: Detran PR

Os dados são da Secretaria de Estado da Saúde.  No ano passado, o custo com internações por acidentes de trânsito ultrapassou os doze milhões de reais. Os índices são referentes à primeira entrada no hospital e não consideram necessidades futuras, como próteses ou tratamentos prolongados.

Para o diretor de política de urgência e emergência da Secretaria da Saúde, Vinicius Filipak, além do custo médico, os acidentes de trânsito têm um custo social.

Do total de acidentes com veículos envolvendo vítimas no Estado, cerca de 20 mil foram com motocicletas.  O número responde a 32 por cento dos casos. Os dados são do Detran. Destes, segundo o SUS, 3.656 geraram internamentos e 642 resultaram em morte do condutor. Para o tenente do Batalhão de Trânsito no Paraná, Ismael Veiga, um dos principais problemas é o excesso de velocidade.

Em 2016, o maior número de acidentes não fatais foi de pessoas com a faixa etária entre 18 e 29 anos. Foram mais de 16 mil casos.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*