Adolescente que seria prostituída pela mãe está grávida, diz PF

Uma adolescente de 13 anos que pode ter sido prostituída pela própria mãe, presa na primeira fase da Operação Égide, em Ubiratã, no oeste do Paraná, está grávida. A informação é da Polícia Federal. A menina foi acolhida pelo Conselho Tutelar de Cascavel, segundo a polícia. A mãe foi presa no dia 24 de novembro.

A Polícia Federal informou que, no material apreendido durante a primeira fase da operação, vídeos e fotos da adolescente foram encontrados. Em um áudio obtido durante as investigações, uma amiga da mãe relata como orientou a menina a cobrar R$ 150 por um programa.

Ontem (quarta, 13), a polícia deflagrou a segunda fase da operação. Foram cumpridos quatro mandados de prisão e um de busca e apreensão. Um mandado de prisão foi cumprido em Ubiratã e outros três em Foz do Iguaçu. Um dos pedidos de prisão foi novamente expedido contra o chefe da organização criminosa, que já estava preso na Penitenciária Estadual de Foz do Iguaçu (PEF) por tráfico de drogas. Agora ele deve responder também por pedofilia.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*