Advogados de Lula afirmam que ficou comprovado após interrogatório que o triplex do Guarujá não é do ex presidente

lula

Os advogados do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmaram em coletiva de imprensa que durante o interrogatório desta quarta-feira (10) ficou comprovado que o triplex do Guarujá, no litoral paulista, não é de propriedade do petista, nem da família dele. Além disso, os defensores disseram que Lula conseguiu demonstrar que é inocente e que nunca participou de qualquer ato ilícito relacionado à Petrobras. O advogado Cristiano Zanin Martins criticou o andamento da audiência e algumas perguntas feitas por procuradores e pelo juiz Sérgio Moro. De acordo com o criminalista, foram feitos questionamentos que estavam fora do escopo da ação penal, como o sítio de Atibaia e o processo do Mensalão.

Durante a audiência, os advogados orientaram o ex- presidente a responder apenas perguntas relacionadas ao triplex, ao transporte e armazenamento do acervo presidencial e a três contratos da empreiteira OAS, que são objeto da denúncia. De acordo Zanin Martins, o depoimento foi um ato processual utilizado como instrumento de perseguição política.

A advogada Valeska Teixeira Martins disse que a defesa não teve acesso e nem tempo para analisar os documentos e atas de reuniões da Petrobras que supostamente comprovariam que Lula teria desviado recursos da estatal.

A defesa do petista ainda alega que o juiz Sérgio Moro não tem competência territorial para julgar o caso e é suspeito para dar andamento à ação penal. Neste processo Lula é acusado dos crimes de lavagem de dinheiro e corrupção passiva, por suposto recebimento de propina da OAS, dissimulada na reforma de um triplex no Guarujá e no armazenamento de bens presidenciais. Ele teria sido beneficiado, ao todo, com propinas de R$ 3,7 milhões. A denúncia é decorrente da Operação Aletheia, 24ª fase da Lava Jato, desencadeada em março de 2016. Na ocasião, o ex-presidente foi levado para depor coercitivamente no Aeroporto de Congonhas, em São Paulo, gerando protestos em várias capitais do país e manifestações de apoio de vários aliados políticos.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*