Aeroporto Afonso Pena terá autodespacho de bagagens até 2019

O Aeroporto Afonso Pena, na grande Curitiba, será um dos sete terminais administrados pela Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero) que terá o sistema de autodespacho de bagagens. O serviço deve estar disponível até o primeiro trimestre do ano que vem. O objetivo, segundo o diretor de Negócios Comerciais da Infraero, Marx Martins Rodrigues, é aprimorar o atendimento aos passageiros e otimizar a infraestrutura dos aeroportos.

Além disso, será adotado o check-in compartilhado, ou seja, um mesmo terminal de atendimento vai servir para que passageiros de diversas companhias aéreas façam o check-in. Para o diretor de Negócios da Infraero, o trabalho vai permitir que o passageiro faça o registro de embarque sem precisar enfrentar filas das companhias.

O primeiro a receber os novos serviços, no segundo semestre de 2018, vai ser o aeroporto de Recife, em Pernambuco. Já para 2019, o autodespacho de bagagens e o check-in compartilhado serão disponibilizados em Congonhas, em São Paulo; Santos Dumont, no Rio de Janeiro; Afonso Pena, na grande Curitiba; Belém, no Pará; Goiânia, em Goiás e o aeroporto de Maceió, em Alagoas.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*