Alimentos evitam gripes e resfriados no inverno


O inverno começou nesta semana, e, de acordo com a meteorologia, promete ser seco e de muito frio! Vai ser uma temporada tipicamente curitibana, e com uma corrida aos postos de saúde de pessoas com problemas respiratórios. Mas, antes de entrar nos medicamentos, você sabia que uma alimentação rica em produtos naturais pode prevenir as gripes e resfriados? É o que confirma a médica nutróloga Ulyssea Menezes.

Agora, se mesmo com todos estes sucos e castanhas você pegar uma gripe ou resfriado, aí é preciso redobrar a atenção com os alimentos.

Se surgir uma febre, acima dos 37 graus, aí não tem jeito! É preciso entrar nos medicamentos, e cuidar para a virose não evoluir para algo mais sério.

A gripe merece agora um cuidado todo especial. Afinal, aquela famosa gripe suína, a H1N1, está voltando. Aos primeiros sintomas, como febre acima de 39 graus, falta de apetite, dores musculares, tosse, muco, catarro, dor de garganta, náusea, vômito e diarreia forte, deve-se procurar um médico ou um posto de saúde. Atualmente, os pacientes com estes sintomas já estão sendo medicados com o antiviral Tamiflu.

A Gripe A H1N1 » sintomas e como prevenir:

Sintomas: são muito similares aos de uma gripe comum ou mesmo aos da dengue. O paciente com gripe suína tem febre acima de 39ºC, falta de apetite, dores musculares e tosse. Algumas pessoas com a gripe suína também relataram ter apresentado catarro, dor de garganta, náusea, vômito e diarreia forte.
O período de incubação da gripe, que é o tempo até que a pessoa desenvolva os sintomas, é de 24 a 48 horas.

Transmissão: as pessoas podem transmitir o vírus antes mesmo de sentir os sintomas e depois de já terem melhorado. Os vírus da gripe suína podem ser encontrados não apenas nas secreções nasais, mas nas fezes.
Os vírus da gripe também sobrevivem por dias ou até mesmo semanas em superfícies secas. Evidências apontam que as pessoas podem se contaminar ao encostar em superfícies contaminadas (como teclados e maçanetas) e depois tocar nariz, olhos ou boca.

Prevenção: evitar as formas mais comuns de contágio, como o contato com pessoas infectadas ou que apresentem os sintomas e contato com objetos de manuseio por muitas pessoas como maçanetas, teclados e telefones.
A gripe pode matar também ao causar uma pneumonia ou ao deixar o sistema de defesa do organismo mais vulnerável a infecções bacterianas.

 

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*