Assaltantes e receptadores de celulares roubados são alvos de operação policial

(Foto: divulgação/Polícia Civil)

(Foto: divulgação/Polícia Civil)

Integrantes de quadrilhas responsáveis pelo planejamento e roubo de celulares em shoppings e supermercados de Curitiba são alvos de uma operação da Polícia Civil nesta terça-feira (2).

Quarenta policiais devem cumprir cinco mandados de prisão e, contra os receptadores, dezenas de mandados de condução coercitiva – quando a pessoa é encaminhada para prestar depoimento. A investigação chegou até os homens após ouvir comparsas e depois de ter o reconhecimento dos assaltantes feito por meio de fotos. As pessoas que compraram os celulares serão ouvidas e depois liberadas, mas ainda podem ser responsabilizadas criminalmente.

A operação Blackout acontece na capital e também em municípios da região metropolitana. A investigação chegou aos autores dos roubos nos shoppings Curitiba, Mueller e Palladium e também nos supermercados Extra e Angeloni.

Segundo a polícia, em alguns dos casos, os suspeitos participaram ativamente dos assaltos, em outros tiveram a função de arquitetar e planejar os crimes. Adolescentes foram cooptados para realizar os furtos e roubos. Os suspeitos responderão pelos crimes de roubo majorado e alguns também por corrupção de menores.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*