Barbosa Neto acredita na inocência do chefe de gabinete dele

O Prefeito de Londrina, Barbosa Neto, disse nessa quarta-feira que acredita na inocência do chefe de gabinete dele, que é acusado de subornar um vereador para votar contra a abertura de uma Comissão Processante na Câmara. Rogério Ortega teria participado de um esquema que visava evitar a investigação de denúncias que apontam que seguranças terceirizados, contratados para atuar na administração municipal, trabalhavam dentro da rádio da família do prefeito. Barbosa é acusado de corrupção e prestou depoimento hoje ao Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado, o Gaeco, do Ministério Público.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*