Câmara aprova criação do Diário Oficial Eletrônico de Curitiba

O projeto que cria o Diário Oficial Eletrônico de Curitiba foi aprovado hoje em segunda votação na câmara municipal. O objetivo é substituir à versão impressa das publicações oficiais do poder Executivo e do Legislativo. A proposta prevê uma economia mensal de 14 mil folhas ou 40 quilos de papel e cerca de um milhão e trezentos mil reais por ano aos cofres municipais. É o que explica o líder do prefeito na casa, vereador Serginho do Posto. O diário eletrônico também deve ter certificação digital para que os documentos possam valer como documento assinado e tenham validade jurídica. O Diário Oficial vai veiculado pela internet, no endereço eletrônico da prefeitura de Curitiba, e poderá ser consultado independentemente de cadastramento.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*