Câmara de Ponta Grossa rejeita proposta que previa redução no número de vereadores da cidade

Foto: arquivo/Diário dos Campos

Foto: arquivo/Diário dos Campos

A câmara de Ponta Grossa não aprovou o projeto de lei que previa a redução no número de vereadores da cidade. Como a proposta alteraria a lei orgânica do município, para que ela fosse aprovada eram necessários 16 votos, mas somente 13 vereadores votaram pela redução no número de vagas. Os outros 10 vereadores votaram contra.  Essa proposta de redução foi apresentada três anos depois de o número de cadeiras ser ampliado para 23. Antes eram 15 vereadores na cidade. O próprio presidente da câmara Sebastião Mainardes Júnior havia dito que o aumento no número de vereadores não tinha melhorado a qualidade do trabalho do legislativo municipal.

Os 23 vereadores correspondem ao teto previsto pela Constituição Federal para municípios de 300 mil a 450 mil habitantes. Não há previsão constitucional de um número mínimo de cadeiras nas Câmaras Municipais.

Votaram de forma favorável a redução no número de  vereadores: Adélia, Alysson, Agnel, Laroca, Milla, George, Pascoal, Pietro, Romualdo, Mainardes, Valtão e Mauricião.

Votaram contra: Taico, Manosso, Delmar, Izaias, Jorge da Farmácia, Nilsão, Bertoldo, Schirlo, Careca e Mioduski.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*