Cartões de visita oferecem recompensa por Kombi furtada em Curitiba

(Foto: Reprodução)

Ele ganha a vida com fretes e também recolhendo e vendendo sucata, mas sofreu um duro golpe no início da semana passada. Depois de estacionar a Kombi 1991 que usava para trabalhar, Nassife da Silva Moreira, 59 anos, ouviu apenas o som do motor do veículo que ele tinha há quase 20 anos.

Foi tudo muito rápido, na alameda Júlia da Costa. Desde então, o homem se vira como pode para garantir o sustento da família e, na tentativa de reaver o utilitário, ele mandou confeccionar 500 cartões com informações do automóvel e oferecendo uma recompensa de R$ 1,5 mil.

Nassife mora no bairro Santo Inácio, em Curitiba, e o preço médio da Kombi dele, do tipo pick-up gira em torno de R$ 11 mil, de acordo com a tabela Fipe. Ele conta que não tem outra fonte de renda.

A Kombi é da cor bege e tem carroceria de madeira. No cartão “de visitas”, consta ainda o número da placa, ABA-9758, e os números de contato do proprietário. São eles: 99157-2175 e 3273-1708.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*