Chico Brasileiro toma posse do cargo de prefeito de Foz do Iguaçu

Foto: Divulgação / Chico Brasileiro

Foto: Divulgação / Chico Brasileiro

Foto: Divulgação / Chico Brasileiro

Foto: Divulgação / Chico Brasileiro

Chico Brasileiro, do PSD, e Nilton Bobato, do PCdoB, tomaram posse nesta segunda, 1º, como prefeito e vice de Foz do Iguaçu, no Oeste do Paraná.

Entre os mil convidados, estiveram presentes o ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicação, Gilberto Kassab. A cidade de Foz do Iguaçu estava sem prefeito desde julho de 2016, quando o ex-prefeito Reni Pereira, do PSB, foi preso pela Polícia Federal na 4ª fase da Operação Pecúlio, que investiga esquemas de corrupção envolvendo verbas do Programa de Aceleração do Crescimento e do Sistema Único de Saúde.

Desde então, o Executivo foi comandado interinamente pela então vice-prefeita Ivone Ba-ro-fal-di, do PSDB, e depois pela presidente da Câmara Municipal, Inês Weizemann , do PSD.

O deputado estadual Chico Brasileiro foi eleito prefeito de Foz do Iguaçu na eleição suplementar realizada no início de abril. Ele recebeu 67.173 votos, o que representa 56,74% dos votos válidos, derrotando Phelipe Mansur, do Rede, que obteve 30,63% dos votos válidos.

O pleito foi realizado depois que o Tribunal Superior Eleitoral invalidou o resultado das eleições para a prefeitura, nas eleições de outubro de 2016. Na ocasião, Paulo Mac Donald Ghisi, do PDT, que concorreu mediante recurso depois de ter a candidatura impugnada pela Justiça Eleitoral, ficou à frente dos concorrentes, com 58.163 votos.

A vitória de Chico Brasileiro na eleição suplementar abriu vaga para o delegado da Polícia Civil Rubens Recalcatti, do PSD, na Assembleia Legislativa do Paraná.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*