Chuvas frequentes garantem conta de luz sem taxa extra em fevereiro

Foto: divulgação / Itaipu

A Usina de Itaipu, em Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná, bateu o recorde de produção de energia para o mês de janeiro nesta semana. Com capacidade máxima, a marca de 8,78 milhões MWh foi atingida ontem (segunda, 29), ultrapassando o maior volume histórico para o mês, de 8,74 milhões MWh, registrado em 2017. O motivo, de acordo com a direção da usina, é principalmente a sequência de dias chuvosos na área onde fica a bacia do rio Paraná.

Devido às instabilidades deste início de ano, o reservatório de Itaipu tem recebido cerca de 20 milhões de litros de água por segundo. Na produção de energia são utilizados 14 milhões de litros de água por segundo, de modo que a “sobra” precisa ser escoada pelo vertedouro.

O bom desempenho da binacional contribui para que o consumidor pague menos na fatura de luz, já que o preço da energia inclui despesas como a de eventual acionamento de usinas termelétricas, que são mais caras – isso normalmente acontece em períodos de estiagem. Também pesam na tarifa custos como o de produção, transmissão e distribuição, sobre o qual incidem impostos como o ICMS, que é diferente em cada Estado do país.

A usina responde por 17% da energia consumida no Brasil e 76% da demanda paraguaia. Na última sexta-feira (26), a Aneel, Agência Nacional de Energia Elétrica, anunciou que a bandeira tarifária continua na cor verde em fevereiro, o que significa que não haverá cobrança extra dos consumidores.

Comments

  1. Manoel Rosa da Cruz says:

    Seria um milagre o qual não acredito que nascesse no Brasil miceginado um ser de toda essa construção ruim,que em algum momento de lucidez e patriotismo,resolvesse ao invés de jogar os excessos de energia no aterramento é assim repassasse aos cidadãos pelo preço certo no máximo 0,30 centavos o kilowats é ou solicitar o ajuste dos aparelhos contadores aos padrões internacionais assim que gasta 250 kilowats passaria a vir em suas contas no máximo 140 kilowats, pois essa é a diferença que diariamente é roubada descaradamente do consumidor e o qual não tem a quem recorrer ….IPEM está do lado dos ladroes….!

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*