CMC aprova em primeira votação obrigatoriedade de câmeras em bares e casas noturnas

O projeto de lei que obriga que os bares e casas noturnas de Curitiba instalem câmeras de segurança foi aprovado em primeira votação hoje na Câmara Municipal. O objetivo é trazer mais segurança e ajudar a coibir casos de violência e agressões nesses estabelecimentos. Recentemente a segurança nos bares gerou discussão após o caso de um jovem que teve uma das pernas amputadas depois de supostamente ter sido agredido por seguranças em um bar de Curitiba. Segundo o autor da proposta, vereador Juliano Borghetti a proposta é bem anterior ao caso.

O uso das câmeras é válido para estabelecimentos com capacidade superior a cem pessoas. As imagens devem ser armazenadas por até 30 dias e só podem ser usadas para questões de segurança. As imagens não podem ser divulgadas.

A proposta possui apoio da Associação Brasileira de Bares e Casas Noturnas do Paraná (Abrabar-PR) e agora vai para segunda votação na câmara.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*