Cope prende homem suspeito de fazer empréstimos bancários em nome de policiais

Foto: Polícia Civil do Paraná

Um homem foi preso em Curitiba tentando fazer um empréstimo de $ 45 mil, utilizando o nome de bombeiros e policiais para conseguir o dinheiro. A prisão aconteceu ontem (terça) a noite, no Centro da cidade. A polícia acredita que o suspeito não agia sozinho, mas que fazia parte de um grupo maior que usava o nome de funcionários públicos para conseguir realizar empréstimos junto aos bancos. O delegado do Cope, Rodrigo Brown, disse que a polícia chegou aos suspeitos por causa de denúncias de que documentos dos servidores estariam sendo falsificados.

O delegado falou que os empréstimos eram descontados diretamente na folha de pagamento dos servidores lesados pelo golpe. As principais vítimas eram bombeiros e policiais militares.

As investigações vão continuar para que os outros integrantes do grupo sejam identificados. A Polícia Civil acredita que um dos suspeitos teria acesso ao sistema de Recursos Humanos da Secretaria de Segurança Pública do Paraná. O mentor do crime, de acordo com a polícia, seria um dos trabalhadores de uma agência bancária que realiza empréstimos consignados e será investigado.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*