Delator da Lava Jato, Milton Pascowitch passa para regime aberto diferenciado e sem tornozeleira eletrônica

Marcelo Camargo/Agência Brasil

Marcelo Camargo/Agência Brasil

O empresário e delator da operação Lava Jato, Milton Pascowitch, passou para o regime aberto diferenciado e a partir de hoje (segunda) deixa de usar tornozeleira eletrônica. O delator esteve esta tarde na sede da Justiça Federal do Paraná para retirar o equipamento. Com a mudança de regime, ele precisa apenas apresentar relatório trimestral de atividades e prestar 28 horas semanais de serviços comunitários pelo período de dois anos. Pascowitch foi preso na 13ª fase da Lava Jato e ficou detido sede da Polícia Federal por apenas 40 dias. Ele é considerado um operador de propinas do esquema da Petrobras. O delator foi condenado pela primeira vez na Lava Jato em maio de 2016 pelos crimes de corrupção passiva, lavagem de dinheiro e organização criminosa, no mesmo processo que condenou o ex-ministro José Dirceu. A pena de Pascowith chegou a 20 anos e 10 meses de reclusão, mas pelo acordo de delação premiada, a condenação não pode ultrapassar 12 anos.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*