Empresa aérea é obrigada a pagar indenização para passageiras

A empresa de aviação American Airlines foi condenada pela justiça paranaense a pagar uma indenização de 60 mil reais a duas passageiras, por um atraso de 24 horas no voo que elas  fizeram de Miami para São Paulo. A decisão do Tribunal de Justiça do Paraná foi divulgada ontem. As passageiras saíram de Miami e tiveram que parar em Caracas, na Venezuela, por causa de um pouso forçado. Elas permaneceram na cidade por 12 horas, sem informações e alimentação adequadas. O voo ainda teve que retornar a Miami para só então seguir em direção a São Paulo. As passageiras também alegaram que sofreram discriminação. A chegada ocorreu um dia depois do horário previsto. A American Airlines já havia perdido na ação em primeira instância, recorreu no TJ-PR e perdeu novamente. A empresa terá que pegar 30 mil reais a cada passageira, por danos morais.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*