Estudantes repudiam convênio do Governo do Paraná com rede de supermercados

A União Paranaense dos Estudantes (UPE) e a União Paranaense dos Estudantes Secundaristas (UPES) emitiram uma nota de repúdio ao convênio estabelecido entre a Secretaria de Estado da Educação (SEED) e uma rede multinacional de supermercados.  o convênio faz parte do Programa Escola Social do Varejo que pretende treinar os estudantes das escolas públicas estaduais para trabalharem no comércio varejista. Na visão dos estudantes, “o programa é um serviço de treinamento de mão de obra para atender às necessidades imediatas do comércio, e não para oferecer uma efetiva formação profissional aos jovens de 16 a 24 anos, matriculados no ensino médio nas escolas estaduais”.
Na última segunda-feira, a direção do Sindicato dos Trabalhadores da Educação do Paraná já havia se manifestado contrária à celebração do convênio. Segundo a APP/Sindicato, a área varejista é conhecida por abusos trabalhistas, e por isso o programa não beneficiaria os estudantes.  A partir de hoje, até dezembro, cerca de 100 alunos do ensino médio farão cursos na rede de supermercados com carga horária de 500 horas, em contraturno.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*