Febre amarela: dúvidas e orientações

(Foto: Divulgação/Ministério da Saúde)

Com o período de férias, o número de pessoas em viagens aumenta e para quem tem como destino áreas rurais ou de mata, a imunização contra a febre amarela é essencial. A vacina é ofertada gratuitamente nos 110 postos de saúde da cidade.

Curitiba não está na área recomendada pelo Ministério da Saúde para vacinação contra a febre amarela, ao contrário de uma grande área do território nacional em que a imunização é imprescindível (além de vários destinos internacionais).

O alerta da necessidade de vacinação para viajantes aumentou com os recentes casos registrados no interior de São Paulo e com as campanhas emergenciais do Ministério da Saúde de vacinação fracionada em municípios de São Paulo, Rio de Janeiro e Bahia.

A médica infectologista do Centro Epidemiologia da Secretaria Municipal da Saúde, Marion Burguer, foi entrevistada pela BandNews. Confira na íntegra:

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*