Fernanda Richa pede exoneração do governo

(Foto: Rogério Machado/SECS)

A ex-primeira-dama Fernanda Richa deve deixar o governo do estado nesta quinta-feira (09). Ela pediu exoneração da secretaria da família e desenvolvimento do Paraná, onde estava desde o primeiro ano de mandato do marido, o ex-governador Beto Richa, em 2011.

A carta com o pedido para deixar o executivo foi encaminhada à governadora Cida Borghetti nesta quarta-feira (08). Fernanda agradeceu por ter tido condição de finalizar o trabalho como secretária durante os 120 dias do governo que sucedeu Richa. A assessoria da ex-primeira-dama informou que ela pediu a exoneração do cargo para se dedicar exclusivamente à campanha do filho, Marcelo Richa, a deputado estadual.

 

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*