FPF pede anulação de leilão da sede

A Federação Paranaense de Futebol quer anular o leilão que fez que com a entidade perdesse a posse da sede, que fica no Tarumã. O prédio foi leiloado no início do mês por cerca de dois milhões de reais para quitar parte dos quatro milhões e oitocentos mil reais em dívidas com o INSS.  Quem arrematou foi o grupo de investimentos AK7. O pedido de anulação foi feito ontem (segunda). Segundo o presidente da Federação Paranaense de Futebol, Hélio Cury, o leiloeiro responsável pela venda não estaria devidamente habilitado na Junta Comercial do Paraná para realizar o procedimento.

Caso não consiga anular o leilão, a Federação ainda não definiu onde será a nova sede.

A Federação Paranaense de Futebol tem uma dívida total com o INSS de cerca de quarenta milhões de reais.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*