Francischini vai pedir impeachment de governador do DF

O Deputado Federal Fernando Francischini, do PSDB, vai pedir impeachment do governador do Distrito Federal, Agnelo Queiroz e também reforçar o pedido de prisão preventiva dele. Tudo isso pela repercussão da auditoria realizada pelo Ministério da Justiça e que mostrou que o governo de Brasília criou um esquema de monitoramento de informações de adversários políticos. O deputado Francischini, que já havia feito a proposta de prisão preventiva de Agnelo Queiroz em dezembro do ano passado por indícios de lavagem de dinheiro, agora vai encaminhar nova denúncia ao procurador geral da república por quebra ilegal de sigilo. O deputado conta que teve todas as informações pessoais monitoradas, além de emails que eram acompanhados pelo grupo de forma ilegal. O pedido de impeachment do governador do Distrito Federal vai ser por acusação de improbidade administrativa por uso do aparelho do estado para investigações clandestinas de adversários políticos.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*