Geração Atitude: projeto do Ministério Público leva política e cidadania às escolas estaduais

Alunos da rede estadual de educação vão poder sugerir melhorias para o Paraná por meio de Projetos de Lei. A Caravana da Cidadania, uma das etapas do projeto Geração Atitude do Ministério Público do Paraná vai selecionar 32 propostas redigidas pelos alunos que participarem da iniciativa.

O Geração Atitude é desenvolvido em parceria com a Assembleia Legislativa do Paraná, a Secretaria de Estado da Educação e o Tribunal de Justiça do Paraná, dentro do Movimento Paraná sem Corrupção. Neste ano, o projeto está na 5ª edição e vai ser dividido em duas etapas: o Geração na Escola e a Caravana da Cidadania.

Na primeira iniciativa, professores, promotores e juízes, vão desenvolver, junto com as equipes pedagógicas de escolas, palestras e debates sobre direitos, deveres e cidadania.

A partir dessas discussões, os professores e estudantes podem participar do concurso Caravana da Cidadania, que vai selecionar as propostas para mudar o Paraná. Os autores dos melhores projetos serão premiados como uma viagem a Curitiba, onde serão recebidos nas sedes da Procuradoria-Geral de Justiça e dos três Poderes.No ano passado, o programa ficou restrito a cinco escolas de cada um dos 32 Núcleos Regionais de Educação (NRE).

Neste ano, o Geração Atitude está aberto para participação de todas as escolas da rede estadual: são cerca de 2,1 mil colégios em todo o Estado. Desde que foi lançada, em 2014, mais de 60 mil jovens participaram da iniciativa.

Em 2016, o programa foi transformado em política pública estadual, com edição de lei que torna o Geração Atitude atividade obrigatória no ensino médio estadual.

(Foto: divulgação/MPPR)

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*