Giro na Ruas dessa segunda-feira é a Rua Euclides da Cunha

Foto: Reprodução/Google Maps

Euclides Rodrigues Pimenta da Cunha nasceu em Cantagalo, no Rio de Janeiro, no dia 20 de janeiro de 1866. Ele foi escritor, professor, sociólogo, engenheiro e jornalista. Em 1897 acompanhou um dos principais conflitos da época, a Guerra de Canudos, que foi um embate entre sertanejos baianos liderados por Antônio Conselheiro e o Exército brasileiro. Seus escritos sobre o conflito renderam a publicação do livro “Os Sertões”, que é considerado um dos livros mais importantes da história do Brasil.

Além desta obra, ele ainda deixou os livros “Peru versus Bolívia”, “Contrastes e Confrontos” e a obra póstuma “À margem da história”. Graças a sua contribuição para a literatura, Euclides da Cunha também fez parte da Academia Brasileira de Letras, ocupando a cadeira de número sete. O escritor morreu no ano de 1909.

A cidade de Cantagalo mantém a sua memória viva com o museu Casa de Euclides da Cunha e com diversos eventos. O maior deles foi em 2009, ano que marcou o centenário da morte do escritor.

Vários estabelecimentos se instalaram ao longo dos anos na Rua Euclides da Cunha. Um deles é o salão de beleza para crianças, o Brincabelo, que está no local há três anos. Segundo a proprietária Melissa Barbosa, o salão busca trazer uma experiência lúdica para a criança.

O grande diferencial do estabelecimento é o planejamento de toda a estrutura. A intenção é tornar os cuidados com a beleza da criança um momento divertido e nada traumático. Os pais também se sentem confortáveis no local.

O horário de funcionamento é de segunda-feira a sábado, das 9 horas da manhã às sete da noite. E aos domingos o estabelecimento abre para festas infantis. Para mais informações é possível acessar o site brincabelo.com.br.

Foto: Reprodução/Google Maps

A Prestinaria também é um dos estabelecimentos instalados na Euclides da Cunha. O nome batiza a padaria e confeitaria que existe na rua há 18 anos.  Lá os clientes encontram diversos tipos de alimentos produzidos no local, além de almoço e café colonial. Uma das sócias, Grace Sarrassi, conta que os clientes são exigentes e que o croissant é um dos alimentos mais pedidos.

Nos fins de semana a programação é diferenciada, conta com café colonial, das 8 horas às onze e meia da manhã, e almoço que vai até às três da tarde. Aos domingos o local funciona das oito e meia da manhã até às três da tarde.

O atendimento da Prestinaria durante a semana é das sete e meia da manhã até às oito e meia da noite.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*