Governo lança Programa Especial de Parcelamento e pretende arrecadar R$ 700 milhões

Foto: BandNews FM

Foto: BandNews FM

O governo do Estado pretende arrecadar cerca de 700 milhões de reais com o Programa Especial de Parcelamento que foi lançado hoje (segunda). A dívida total de contribuintes ativos no Paraná é de 5 bilhões de reais. Podem participar do programa quem tem dívidas com o ICMS, IPVA e ITCMD. Somente com o IPVA, 563 mil pessoas devem no total cerca de 300 milhões de reais ao Estado. Quem aderir vai poder acertar as contas em atraso com redução de multa e juros. As dívidas podem ser parceladas em até 120 meses com a exclusão de 50 por cento do valor da multa e de 40 por cento dos juros. Quem quiser pagar as dívidas em atraso à vista vai ter desconto de 75 por cento sobre o valor da multa e de 60 por cento sobre os juros. Segundo o secretário da Fazenda, Mauro Ricardo Costa, o programa faz parte das medidas de ajuste fiscal criadas pelo governo.

O secretário também reclamou da distribuição de verbas do governo federal. Segundo ele, o Paraná arrecada 40 bilhões de reais em tributos federais e somente 15 bilhões retornam ao Estado.

A adesão ao Programa Especial de Parcelamento é feita pela internet até setembro, no site sefa.pr.gov.br. Pode participar quem tem dívidas com o Estado até 31 de dezembro de 2014. Quem tem débito e não aderir ao programa vai ter o nome inscrito no Cadin, o Cadastro de Inadimplentes e gera restrições com o governo.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*