Gripe A altera programação das igrejas de Curitiba

Algumas Igrejas de Curitiba já mudam a rotina por conta do aumento do número de casos de gripe A no Paraná. No Santuário do Perpétuo Socorro, que recebe cerca de 30 mil pessoas nos dias de novena, a água benta é trocada várias vezes ao dia e o álcool gel fica disponível para todos os fiéis. O ato da Paz de Cristo também foi suspenso para evitar o contagio da doença, como explica o Padre Gelson Micuska.

O padre afirma que a mudança não tem agradado muito os fiéis, que ainda estranham as medidas.

E a preocupação com a gripe A acaba sendo ainda maior por causa da falta de vacinas. O diretor de um dos principais laboratórios de Curitiba, Nilton Vimberg afirma que em média 200 pessoas procuram o estabelecimento por dia para saber quando a dose voltará a ser vendida.

A reportagem da BandNews encontrou apenas uma clínica em Curitiba que ainda tem a vacina. Ela fica no bairro Batel. O problema é o valor que está sendo cobrado: cada dose custa R$200, sendo que em média a imunização custa R$70.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*