Homem que aplicava golpes no comércio em Curitiba é preso em flagrante

Foto: divulgação / Polícia Civil do Paraná

Está preso o homem acusado de aplicar golpes em comerciantes de Curitiba. Roberto Aggio Cruz, de 45 anos, foi detido em flagrante, ontem (30) à tarde, horas após mais um crime. Até o momento, ele já foi reconhecido por pelo menos três vítimas.

O modo de agir era sempre o mesmo: Roberto oferecia trocar moedas por cédulas, com funcionários dos mais diversos tipos de comércio.

Na maior parte das vezes, ele se dizia funcionário de uma igreja e combinava de fazer a troca dentro da paróquia. Assim que pegava o dinheiro, dizia que iria buscar as moedas e desaparecia. Dono de um restaurante no Centro Cívico, Michel Tesser teve um prejuízo de R$ 600.

Com a demora no retorno do homem, o comerciante telefonou para o número que o golpista havia passado.

O delegado André Feltes, da Delegacia de Furtos e Roubos, explica que mais vítimas devem aparecer nos próximos dias.

Roberto Cruz já foi reconhecido por uma funcionária de uma rede de fast food, que teve prejuízo de R$ 800, e também por funcionários de uma casa lotérica. Contra ele havia um mandado de prisão em aberto, por estelionato.

 

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*