Homem se entrega depois de comprar notas falsas

Um homem foi à delegacia de Mandaguaçu, no norte do Paraná, para fazer uma confissão estranha: ele teria comprado R$ 80 mil em notas falsas no Paraguai. O comerciante Oseias Bernardo disse que se arrependeu de ter comprado as notas falsas e resolveu entregar o dinheiro à polícia. Segundo o delegado Valdir Samparo, que conduz as investigações, entre o Paraguai e Mandaguaçu, o comerciante se desfez de R$ 2 mil em notas falsas vendendo-as a um caminhoneiro.

 A falsificação das notas é considerada grosseira. Elas tem tamanhos diferentes e o papel é mais liso do que o de uma nota verdadeira. Apesar de ter se entregado, o comerciante irá responder pelo crime de falsificação de dinheiro e pode pegar de 3 a 12 anos de prisão. A diferença é que ele responde o crime em liberdade.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*