Investimento em ciência deve ser de 76 milhões até fim do ano

Setenta e seis milhões de reais em projetos de produção e disseminação científica devem ser investidos no Estado até o final do ano. O valor é quase o dobro do ano passado. A verba é da Fundação Araucária e da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, a Capes. As duas instituições são financiadoras de pesquisa científica. A maior parte do dinheiro deve ser destinada para pesquisas de pós-graduação e compra de laboratórios. É o que explica o presidente da Fundação Araucária, Paulo Roberto Brofman.

Vinte e quatro milhões da verba total devem vir da Capes. Desde 2005 a Fundação Araucária não fazia parcerias com a instituição.

A Capes tem um plano de investimentos para o Paraná de pouco mais de quarenta e oito milhões de reais para os próximos cinco anos.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*