Julgamento de pedido de retomada do pagamento de aposentadoria de Pessuti ainda não tem data para realização

O julgamento do pedido de retomada do pagamento da aposentadoria ao ex-governador Orlando Pessuti não tem data para ser realizado. Ontem um dos desembargadores que participava do julgamento, Carlos Mansur Arida, pediu vistas ao processo, ou seja, pediu um prazo maior para analisar o pedido. No momento em que ele pediu vistas, seis desembargadores já tinham votado contra a retomada da aposentadoria e outros quatro deram parecer favorável ao pedido de Pessuti. O benefício foi suspenso no ano passado pelo governador Beto Richa, que sustentou a ação em um parecer da procuradoria estadual que considerou inconstitucional o pagamento. Por causa disso, além de Pessuti, os ex governadores Roberto Requião, Álvaro Dias, Jaime Lerner e Mario Pereira também tiveram as aposentadorias canceladas. Atualmente o Paraná paga o benefício para oito pessoas: quatro ex governadores que comandaram o estado antes de 1988 e quatro viúvas dos governantes.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*