Justiça de Foz determina que filho do Goleiro Bruno fique com avó materna

 A Justiça de Foz do Iguaçu determinou que o filho da modelo Eliza Samudio com o goleiro Bruno fique com a avó materna. O pai de Bruno é condenado por abusar sexualmente da filha mais nova. Luíz Carlos Samudio é considerado foragido da justiça desde maio de2011. A avó materna, Sônia de Fátima Moura, moraem Campo Grande, capital do Mato Grosso do Sul com a criança que tem dois anos e se chama Bruno. O avô materno pediu a guarda da criança, porém segundo a advogada de Sônia, Maria Lúcia Borges Gomes, aceitou que a guarda ficasse com a avó. O processo foi aberto após o desaparecimento de Eliza Samudio, em junho de 2010, e estava em segredo de Justiça na 1ª Vara da Família de Foz do Iguaçu. A modelo foi vista pela última vez no sítio do goleiro Bruno, em Esmeraldas, próximo a Belo Horizonte. Nesta semana a Justiça mineira concedeu liberdade condicional ao atleta, que cumpre prisão provisória. Porém o Supremo Tribunal Federal (STF) ainda tem que julgar o pedido de habeas corpus. Além de Bruno, mais sete réus vão a júri popular. Não há previsão de data para o julgamento. O corpo da vítima nunca foi encontrado.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*