Justiça rejeita queixa-crime de Petraglia contra ex-presidente do Atlético

A justiça rejeitou a queixa-crime de calúnia que o presidente Mário Celso Petraglia moveu contra o sucessor dele no Atlético, Marcos Malucelli. Nesta quarta-feira, a justiça avaliou que os argumentos de Petraglia são insuficientes para mover a ação. O Ministério Público já tinha se posicionado na mesma maneira. O atual presidente do Atlético foi à Justiça por causa de declarações de Malucelli, à imprensa, em fevereiro de 2010. A decisão foi tomada em primeira instância, e Petraglia pode recorrer da decisão.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*