Lanches calóricos com brinquedos podem ser proibidos

Proibir a venda de lanches calóricos acompanhados de brindes é um projeto do deputado Ney Leprevost. Nesta terça-feira a Comissão de Constituição e Justiça da Assembleia aprovou um parecer favorável a medida que atinge o público infantil. O deputado conta que o objetivo é desestimular a vontade da criança de comer algo que não é saudável só por causa dos brinquedos, e lança um desafio às redes de fast food.

Antes de ser aprovado na CCJ, o projeto passou pela apreciação da Secretaria de Saúde e pela Secretaria de Justiça, por intermédio do Procon, que também apoiaram a iniciativa.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*