Médicos do HC devem retomar greve na sexta-feira

Os médicos do Hospital de Clínicas da Universidade Federal do Paraná devem retomar a greve na próxima sexta-feira (15). Hoje, os médicos já fizeram um dia de manifestação contra a medida provisória que está em tramitação no Congresso Federal. A MP aumenta a carga horária de quem ingressar na carreira de 20 para 40 horas semanais. Pela proposta, os médicos vão trabalhar mais, sem aumento do salário. Os servidores técnico-administrativos também continuam, por tempo indeterminado, com a paralisação que começou ontem. Os funcionários pedem aumento salarial de mais de 22%. O cardiologista Eduardo Lourenço, integrante da Comissão dos Médicos do HC, explica que hoje uma comissão mista vai avaliar a medida provisória no Congresso Nacional.

No final do mês passado, os médicos paralisaram os trabalhos por 4 dias, e mais de 4 mil pacientes com consultas marcadas deixaram de ser atendidos. A diretora do sindicato que representa os servidores, Cristiane Pereira de Andrade, reclama que a categoria não consegue negociar com o governo e por isso decidiu parar.

Hoje, cerca de 30 cirurgias foram canceladas, e apenas 15 operações de emergência foram realizadas. Quem tinha consulta marcada e não pode ser atendido pode remarcar o procedimento. As orientações estão no site Hc.Ufpr.Br.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*