Mesmo com a crise, setor de queimados do hospital evangélico vai ter atendimento normal na virada do ano

(Foto: Divulgação/Hospital Evangélico)

(Foto: Divulgação/Hospital Evangélico)

O setor de atendimento a queimados do Hospital Evangélico não sofreu impacto com os problemas financeiros da instituição e deve funcionar normalmente na virada do ano. O hospital está sob o comando de interventores por determinação da Justiça do Trabalho desde 17 de dezembro de 2014. Antes disso, a instituição era gerida pela Sociedade Evangélica Beneficente de Curitiba.

Sem dinheiro para a compra de materiais e medicamentos, o Evangélico está com parte dos serviços suspensos, mas o interventor da instituição, Carlos Motta, garante que a ala de queimados, que é referência nesse tipo de tratamento, não vai sofrer qualquer tipo de redução nos serviços. Além disso, a maternidade de alto risco também não vai ter o atendimento alterado.

Pelo menos 130 pacientes estão internados nessas duas alas. De acordo com o interventor Carlos Motta, os insumos para a virada do ano já estão garantidos.

A expectativa da direção do hospital para 2017 é bastante positiva. O interventor diz que a partir da próxima segunda-feira a intenção é de retomar os serviços que estão suspensos desde o mês de novembro.

Atualmente, o Hospital Evangélico conta com 434 leitos gerais, sendo 373 disponíveis à rede pública de saúde. Mensalmente, o Evangélico realiza em Curitiba cerca de 29 mil consultas e mais de 30 mil procedimentos de diagnósticos e terapias em ambulatórios.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*