Morador de rua nega ajuda e morre de frio

O frio pode ter feito a primeira vítima do ano em Curitiba. Um morador de rua foi encontrado morto em frente ao Cemitério Municipal do Boqueirão. A vítima tem aproximadamente 45 anos. O corpo foi encontrado por Guardas Municipais, ao lado da vítima apenas uma garrafa de pinga. Segundo a coordenadora do resgate social, Luciane Kuzma, o atendimento da Fundação de Ação Social (FAS) foi oferecido, porém o morador de rua negou abrigo.

A coordenadora explica que os agentes não podem obrigar o morador de rua a aceitar o abrigo, porém os serviços oferecidos na central são atrativos.

A FAS pode ser acionada pelo telefone da Prefeitura de Curitiba, a central 156. A ligação é tarifada. Peritos ainda devem confirmar se a causa da morte do morador de rua foi realmente o frio.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*