MP e Procon emitem recomendação para evitar abuso no preço de produtos em supermercados

O Ministério Público do Paraná e o Procon expediram uma recomendação às empresas vinculadas a Associação Paranaense de Supermercado para evitar a alta abusiva de preços.

No documento, os órgãos recomendam que produtos essenciais, como feijão, arroz, óleo de soja, ovos e leite, sejam comercializados pelos mesmos preços praticados antes da greve.

A orientação estipula que os produtos sejam limitados conforme quantidade e procura dos consumidores. O texto afirma que a limitação deve atender o máximo possível de clientes, até que o abastecimento dos produtos e prestação de serviços se normalize.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*