Novas regras para financiamento habitacional começam hoje

As novas regras para o financiamento habitacional, que começaram a ser usadas hoje, devem aumentar entre 15 e 20% o número de famílias com acesso a essa modalidade de crédito no Paraná. O novo modelo permite que os mutuários passem de 30 para 35 anos o prazo para o financiamento através da poupança. As taxas de juros sobre o crédito habitacional também caíram. A gerente regional da Caixa Econômica Federal, Sueli Molinari, explica que as novas regras trazem um impacto positivo para quem vai financiar a casa própria.

As alterações não mudam o valor da renda que a família vai comprometer no financiamento.

O economista Fábio Araújo, que é especialista na área do crédito habitacional, avalia que é positivo o fato do prazo de financiamento aumentar, ao mesmo tempo em que os juros sofrem redução. Ele não descarta a possibilidade da inadimplência crescer, e orienta que é preciso ter pés no chão antes de comprometer a renda ao longo de tanto tempo.

As novas regras para o financiamento habitacional não valem para quem optar por usar recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). Nessa modalidade, o prazo continua em 30 anos.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*