Operação prende quadrilha que roubava carros para trocar por drogas no Paraguai

Foto: Polícia Civil do Paraná

Vinte e três pessoas foram presas suspeitas de integrar uma quadrilha de tráfico de drogas, roubo e furto de veículos na manhã desta sexta-feira (1º). A operação foi deflagrada pela Divisão de Narcóticos (Denarc) da Polícia Civil do Paraná, em Curitiba, Quatro Barras, Campina Grande do Sul, Colombo, Fazenda Rio Grande, Pinhais, São José dos Pinhais, Almirante Tamandaré e Foz do Iguaçu. De acordo com a Polícia Civil, a investigação identificou uma quadrilha que roubava carros em Curitiba e região metropolitana e trocava por drogas no Paraguai. Segundo a delegada-titular do Núcleo de Curitiba da Denarc, Camila Cecconello, alguns veículos retornavam para Curitiba e região metropolitana carregando maconha. A droga era distribuída para traficantes de Curitiba e outras cidades.

A quadrilha era dividida por funções. Os assaltantes que faziam parte da organização criminosa realizam os assaltos aos carros escolhidos pelos traficantes. Após, o roubo, os veículos eram adulterados para transitar pelas rodovias. Ao chegar ao Paraguai, os carros eram trocados por drogas.

A líder da quadrilha Sônia Aparecida de Assis foi detida na cidade de Ponta Porã, em Mato Grosso do Sul.

Durante a operação, a polícia apreendeu documentos de carros, materiais para adulteração, placas de veículos roubados, duas armas de fogo, um simulacro, uma pequena quantidade de maconha e cocaína e 20 mil reais em dinheiro. A polícia estima que a quadrilha movimentava até uma tonelada de maconha por mês. Uma mulher, que transportava os carros roubados até o Paraguai, segue foragida. Agora, os membros da quadrilha vão responder pelos crimes de tráfico de drogas, organização criminosa, roubo, receptação e porte de armas.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*