Paraná tem baixo número de infecções hospitalares

A Secretaria de Saúde do Estado divulgou hoje os dados referentes à infecções hospitalares no Paraná. Apesar de estar abaixo da média brasileira, o índice ainda preocupa. Enquanto que a taxa nacional é de 4,2 casos de infecções a cada 1000 cirurgias realizadas por dia, no Paraná são 2,5 ocorrências.  Atualmente a infecção hospitalar é a principal causa de mortalidade dentro dos centros médicos. Em outros casos prolonga o tempo de internamento. Para o chefe do departamento de Vigilância Sanitária, Paulo Santana, a displicência de alguns profissionais é o principal problema. Ele também lista outras recomendações básicas.   Além disso é importante verificar se o hospital possui a Comissão de Controle Interno, responsável por monitorar e fiscalizar esse tipo de situação no ambiente. Caso não exista, aumentam as chances do paciente adquirir alguma complicação.

 

 

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*