Paraná vai disponibilizar cirurgias para mudança de sexo

Foto: Venilton Küchler / AENotícias do Paraná

Cerca de duzentos paranaenses vão ser beneficiados com as cirurgias relacionadas à mudança de sexo que vão ser disponibilizadas no estado. O anúncio foi feito pela Secretaria de Estado da Saúde, nesta segunda-feira.  De acordo com o Governo do Estado, há cinco anos são oferecidos acompanhamento médico e psicológico, e hormonioterapia, por meio do Centro de Pesquisa e Atendimento para Travestis e Transexuais.

Segundo dados da Secretaria Estadual da Saúde, somente no primeiro semestre deste ano mais de quatrocentas consultas médicas e quase oitocentos atendimentos psicológicos foram realizados. De acordo com a Secretaria de Saúde, o objetivo é preparar o Hospital de Clínicas da Universidade Federal do Paraná junto ao Ministério da Saúde para que seja realizado o processo transexualizador. Enquanto ocorre a capacitação do procedimento, as cirurgias vão ser custeadas pelo estado. De acordo a Secretária Municipal de Saúde, Márcia Huçulak, este é um pedido antigo feito pela população transexual.

Um dos processos feito pela Secretaria da Saúde é a capacitação aos profissionais do Hospital das Clínicas. Segundo a superintendente do Hospital de Clínicas, Claudete Reggiani, a parceria com o estado e com o município vai ajudar na viabilização do procedimento.

A transexual Natália Rivelini fez o acompanhamento no Hospital das Clínicas durante um ano e meio. Por causa da falta de estrutura, Natália foi encaminhada a Porto Alegre. Durante quatro anos a transexual foi quinzenalmente até a capital gaúcha para fazer o acompanhamento.

Atualmente, apenas cinco estados brasileiros contam com centros hospitalares credenciados para cirurgias de redesignação sexual, ou mudança de sexo, são eles: São Paulo, Rio de Janeiro, Goiás, Recife e Rio Grande do Sul.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*