Plantação de café deve ser a mais afetada pela geada no Paraná

Foto: Iapar

A plantação de café no Paraná deve ser a mais afetada pela geada que deve atingir principalmente a região oeste do Estado, na madrugada de terça-feira.

O Instituto Agronômico do Paraná (Iapar) e o Simepar emitiram um alerta, para a faixa que passa por São Jorge do Patrocínio, Umuarama, Jesuítas e municípios próximos da região. A recomendação para os plantios novos, com até seis meses de campo, é enterrar as mudas.

Viveiros devem ser protegidos com várias camadas de cobertura plástica ou aquecimento, com a opção de adotar as duas práticas simultaneamente. Nos dois casos – lavouras novas e viveiros – a proteção deve ser retirada assim que a massa de ar frio se afaste e cesse o risco imediato de geada.

Nos próximos dias há possibilidade de geadas nas demais regiões produtoras de café no Paraná – Norte, Noroeste e parte da região Oeste do Estado.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*