Porteiros vão realizar protesto em frente a outro prédio em Curitiba

Porteiros, serventes e zeladores de Curitiba devem protestar em frente a um importante prédio da capital amanhã. A manifestação vai ser semelhante a que ocorreu hoje em frente ao edifício Asa, na praça Osório. De acordo com denúncias recebidas pela BandNewsFM os grevistas, que estão paralisados há quase 3 semanas, impediram a entrada de pessoas no prédio. O advogado Anderson de Oliveira contou que eles bloquearam elevadores e escadas. Apesar da denúncia, o presidente do Sindicom, sindicato que representa a categoria, Hélio Rodrigues da Silva, nega que houve bloqueio por parte dos manifestantes. O presidente afirma que o objetivo de realizar manifestações desse tipo é buscar, mais uma vez, negociação com o sindicato patronal. Ele não quis informar em qual local vão acontecer as novas reivindicações. Hélio Silva ainda afirma que o sindicato pretende entrar na justiça para cobrar aumento de salários, já que os representantes dos patrões anunciaram que não vão mais buscar a negociação. Os trabalhadores pedem um reajuste de 15%. O presidente afirma que os salários dos porteiros, zeladores e serventes de Curitiba é o menor do Paraná. De acordo com ele, desde outubro de 2010 não há aumento salarial.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*