Prefeito de Ramilândia retorna ao cargo

O prefeito de Ramilândia Rui Antonio Spagnol (PDT) voltou ao cargo ontem  após uma decisão judicial. Ele havia sido cassado em setembro de 2011, por decisão da Câmara de Vereadores. Spagnol é suspeito de desvio de dinheiro da merenda escolar e por supostamente beneficiar uma empresa em licitação. Na decisão, o Tribunal de Justiça entendeu que a Câmara de Vereadores não seguiu as regras do Regimento Interno para a sessão extraordinária que cassou o mandato de Rui Antonio Spagnol. Em menos de 60 dias, ele foi afastado do cargo duas vezes. Durante o período que o prefeito esteve fora do cargo, o vice Ricardo Celone Neto assumiu o cargo.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*