Prefeitura abre licitação para limpeza da cidade

Com o afastamento do vereador João Cláudio Derosso do PSDB e as investigações que estão sendo feitas contra ele, a Prefeitura de Curitiba decidiu se apressar e resolver um problema que estava pendente há cinco anos. O Município abriu processo de licitação para contratação de empresas de coleta de resíduos vegetais. Até o ano passado, a coleta de galhos de poda de árvores e entulhos era feita emergencialmente por duas empresas – uma delas de propriedade da família de Derosso. O diretor do departamento de limpeza pública de Curitiba, Edélcio Marques dos Reis, disse que as empresas que faziam o serviço demoravam para atender a população até 40 dias. Com a licitação, a previsão é a de que o tempo de espera seja de uma semana – já que será dobrado o número de empresas na cidade.

Os resíduos precisam ser retirados pelas equipes da Prefeitura. Para ter direito ao serviço, o morador da cidade precisa apenas ligar para o 156.

Por mês, a Prefeitura de Curitiba atende a 13.450 chamados para limpeza, 80% mais que o registrado há cinco anos. A contratação de quatro empresas que vão fazer o recolhimento de galhos de árvores e entulhos vai custar 79 milhões de reais aos cofres públicos.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*