Prefeitura já arrecadou quase R$ 400 mil com a regulamentação de aplicativos de transporte

(Foto: divulgação / Uber)

A prefeitura de Curitiba já arrecadou quase R$ 400 mil com a regulamentação de aplicativos de transporte. O prazo para adequação das empresas se encerra na semana que vem, no dia 20 de novembro. Até agora, se cadastraram: Uber, Cabify, 99 Pop e Ecodrivers.

O cadastro com a prefeitura é para as empresas, e não para os motoristas. Essa obrigação, incluindo a de identificar o veículo de cada prestador do serviço, fica por conta das administradoras de aplicativos; assim como a avaliação de motoristas – ao contrário do que acontece com os taxistas, por exemplo, que são fiscalizados por um único órgão: a Urbs.

Nos últimos dois anos, a prefeitura fez 315 atendimentos referentes ao transporte compartilhado, incluindo reclamações e pedidos de informações. Os R$ 373 mil arrecadados até o momento entram para o Tesouro Municipal e são aplicados, juntamente com outros recursos, em áreas de prioridade da prefeitura, estabelecidas no orçamento da cidade.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*