PRF realiza operação para fiscalizar caminhões na descida da serra

Foto: PRF

A Polícia Rodoviária Federal realizou na tarde dessa quinta-feira (15) mais uma edição da Operação Serra Segura. De acordo com a PRF, o foco desta etapa era a fiscalização das condições mecânicas dos caminhões, principalmente freios, suspensão, pneus e sistema de direção dos veículos que transitam pelas rodovias do Paraná. A operação começou às duas e terminou às cinco horas da tarde.

Na região da capital paranaense, a maioria das operações foi feita nas BRs 376 e 277. De acordo com o policial Fernando Oliveira, as abordagens são feitas principalmente em trechos sinuosos e em declive, locais onde há a maior incidência de acidentes.

Durante as ações de fiscalização, os policiais rodoviários federais tiveram o apoio técnico de mecânicos contratados pelas concessionárias. O Policial Rodoviário Federal diz que nem todos os caminhões são abordados. Ele explica que é feita uma fiscalização por amostragem, ou seja, os motoristas são selecionados aleatoriamente para passarem pela análise.

Os caminhões com problemas têm os documentos retidos até que os motoristas ou proprietários providenciem a regularização. No começo da tarde dessa quinta (15) a PRF atendeu um acidente bem no trecho onde era feita a operação. A ocorrência envolvendo dois caminhões, um deles carregado com 60 mil litros de combustível, foi no km-41 da BR-277, em Morretes, no litoral do Paraná.

A Policial Rodoviária Federal (PRF), Samara Vieira, disse que não houve vítimas, mas afirmou que o acidente poderia ter sido mais grave, já que o veículo responsável pelo acidente estava com pneus carecas e sem tacógrafo, que é um dispositivo de segurança para caminhões. Além disso, os freios do veículo que acertou a traseira do outro estavam com problemas.

Desde 2014 já foram realizadas 76 etapas da Operação Serra Segura. Em quase quatro anos, a PRF fiscalizou 4.788 caminhões, sendo que em 1.240 deles foi encontrada pelo menos uma irregularidade que motivou a retenção de documentos. O número equivale a 25,9% do total de caminhões abordados. Além disso, 2.317 multas foram aplicadas pelos agentes.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*