Primeiro simpósio internacional de tuberculose começa hoje em Curitiba

O objetivo do simpósio é discutir métodos de triagem, diagnóstico e prevenção da doença. O número de casos de tuberculose aumenta no inverno e os sintomas são parecidos com a da gripe.  Segundo a médica Marion Burguer, pessoas que têm tosse a mais de duas semanas devem procurar uma unidade de saúde e fazer um exame porque podem estar com a doença.

O tratamento para doença dura seis meses. A tuberculose mata mais de quatro mil pessoas por ano no país. Segundo dados da Organização Mundial da Saúde, só em 2009 foram diagnosticados no Brasil 72 mil novos casos da doença.

O simpósio internacional de tuberculose vai até o dia 26 de julho na Faculdade Pequeno Príncipe.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*