Programa Mãos Amigas já beneficiou mais de 600 escolas

Mais de 600 escolas paranaenses da rede estadual de ensino foram beneficiadas, em cinco anos, por meio, do programa “Mãos Amigas”. A iniciativa do Governo do Estado conta com a participação de 32 presos do regime semiaberto da Penitenciária de Piraquara, Região Metropolitana de Curitiba.

As escolas reconstruídas pelos detentos foram danificadas pelas chuvas que atingiram a capital e região no mês passado. De acordo com o diretor da Colônia Penal Agroindustrial, de Piraquara, Ismael Meira, a medida é uma forma de contribuir para o processo de ressocialização dos presos.

De acordo com o programa, um dia de trabalho equivale a três dias a menos de prisão.

Cada detento recebe uma remuneração de R$ 700 por mês. Deste valor, 20% vai para uma poupança – que é entregue aos presos após ganharem a liberdade. Os outros 80% é destinado à família.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*